BLOG OSSIA

Toda semana com conteúdos sobre áudio, música e produção musical.

Quando você está começando a desenvolver trabalhos de produção musical e mixagem de som é comum que você tenha, além de muitas dúvidas, insegurança quanto ao resultado final.

Nesse post, você verá por que o curso “Por dentro da mix” pode ajudá-lo a melhorar em vários aspectos, principalmente no que diz respeito a questões técnicas.

Isso é muito importante para a sua carreira, visto que, às vezes, a falta de conhecimento de algumas técnicas específicas podem travá-lo por muito tempo em seu processo de mixagem.

No curso “por dentro da mix” o processo de mixagem é visto de forma muito aprofundada. Gostaria de saber como? Veja a seguir!

Avaliação dos equipamentos

A primeira parte do curso consiste na avaliação dos equipamentos e suas respectivas tradições de uso. Com esse conhecimento, você vai desenvolver técnicas diferenciadas e entender exatamente o que você precisa fazer para alcançar os melhores resultados na sua mixagem.

Você poderá identificar, por exemplo, se sua mix precisa de mais punch, mais presença, mais profundidade e assim por diante.

Unindo técnica e prática

A partir do conhecimento técnico dos equipamentos e de seus usos, você conseguirá se desenvolver, praticando com os stems que são disponibilizados no curso. Além disso, você conseguirá montar a sua própria assinatura sonora, seu próprio template, de acordo com suas escolhas.

No curso você verá exemplos práticos de diversas equalizações, compressões, estruturas de ganho, etc. feitas de formas diferentes e com equipamentos diferentes. Enfim, tudo que você precisa saber para se aprofundar em mixagem, de forma teórica e prática, em situações de uso do dia a dia.

A grande vantagem do curso é conectar os aspectos técnicos e estéticos. Dessa forma, você entenderá os meios para chegar a determinados fins.

Melhor material disponível em português

Você pode ter certeza de que não existe material em português tão completo sobre compressores e equalizadores quanto o que você terá acesso no curso “por dentro da mix”.

Nesse material, você verá todo o detalhe de topologia, como o circuito afeta e como os plug-ins estão relacionados nesse processo. Ao entender o funcionamento do todo, você saberá quais os tipos de materiais vão ficar mais adequados para cada situação.

Quando o aluno começa a entender a dinâmica dos equipamentos na prática, ele começa a ter uma reação mais intuitiva na mixagem, o que demonstra a evolução em seu aprendizado.

Exemplificando…

Imagine que um aluno recebe determinada track, com o som de um violão ou qualquer outro instrumento. Após realizar o curso “por dentro da mix”, com certeza ele conseguirá pensar em um produto final e saberá exatamente quais equipamentos e recursos utilizar para alcançar esse resultado.

Esse é o grande ganho que você terá no curso. O ganho de tempo de qualidade é notável quando você sai do método de trabalho por tentativa e erro e passa a agir de forma consciente.

Saber o que quer, quais equipamentos são necessários e como eles deverão ser configurados para chegar ao resultado pretendido é que torna você um mixador profissional.

Mixar é como cozinhar

Pense em alguém que esteja cozinhando e que queira fazer um purê de batatas bem cremoso. Essa pessoa, com certeza sabe que o prato não poderá ficar arenoso, nem seco, nem muito líquido.

O primeiro passo é pensar nos ingredientes. O cozinheiro profissional automaticamente pensará em batatas lavadas e creme de leite. Além disso, ela saberá que precisa de sal e outros temperos para atingir o sabor desejado.

Esse processo intuitivo de pensar nos ingredientes, nos temperos, nas quantidades e como fazer depende muito da prática. Mas também depende do conhecimento do cozinheiro. Se você não conhecer os ingredientes e os temperos, você não consegue cozinhar bem.

Entendeu a metáfora?

Da mesma maneira que um cozinheiro pensa automaticamente nos ingredientes, nos temperos e no modo de preparo, você irá pensar no equalizador, em como parametrizá-lo, onde, na estrutura de ganho ou no chain (cadeia de sinal), ele será colocado.

Além disso, você saberá como ele irá afetar o sinal e como esses procedimentos irão trazer a característica sônica e a emoção que você precisa para a música.

Você também saberá como resolver um problema, por exemplo, tirando uma frequência X ou Y. Isso é muito importante para o bom resultado final de seu trabalho.

Da mesma forma, você conseguirá escolher intuitivamente um compressor e suas configurações. Por exemplo, se ele irá em paralelo ou no insert, quanto de redução de ganho que você vai ter e qual a sua expectativa sonora a partir das combinações recursos, tal qual o cozinheiro preparando o purê.

A arte de agir de forma orgânica

Mixar é exatamente isso: agir de uma forma mais orgânica e intuitiva na track. Se você ficar pensando muito, ou agindo com base em tentativa e erro, dificilmente conseguirá chegar a um produto final de qualidade.

Você precisa saber o que você quer e como consegui-lo.

O ideal é que você reaja naturalmente àquilo que está acontecendo na música, para que você consiga trazer mais emoção para o público que irá ouvi-la.

Aprendendo na prática

Para você ter essa experiência com cada tipo de track e com cada tipo de equipamento é preciso que você pratique. Por isso, o curso possui a seção “prática”, na qual você terá acesso a stems e a práticas de mixagem do começo ao fim.

Essa é a parte em que você pode colocar em ação tudo o que você aprendeu na seção “técnica”. É aqui onde podemos perceber uma grande evolução na curva de aprendizado dos alunos. Com certeza, você irá perceber uma grande mudança no seu processo de mixagem.

Todos os alunos que já passaram pelo “por dentro da mix” deram um feedback muito positivo a respeito do curso, o que prova sua qualidade.

Agora você já conhece nosso curso. Mas como conhecimento nunca é demais, clique aqui e baixe nosso eBook “Glossário de áudio“. Nesse material você encontrará dezenas de conceitos sobre áudio concentrados em um só lugar. Além disso, você terá acesso a diversas definições que vão facilitar o seu processo de aprendizagem sobre áudio. 

Glossário de áudio

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *