BLOG OSSIA

Toda semana com conteúdos sobre áudio, música e produção musical.

Esse texto foi baseado no vídeo “5 plugins de saturação no pop”. Com esse conteúdo, vocês descobrirão como usar esses plugins de forma criativa e também como eles poderão agregar coisas bem legais na sua mix. Confira!

Fala galera, beleza? No texto de hoje, vou falar sobre cinco pugins de saturação no pop. Vocês terão a oportunidade de saber como tirar diferentes tipos de distorções harmônicas de diferentes dispositivos, como opções de saturar mais ou com mais controle de equalização. Mais uma vez, usei como base a música Prejudice, da Julia Sicone.

Manny Marroquin

Nesse caso, eu apliquei uma distorção harmônica, mas não queria que esses harmônicos alterassem as características de resposta de frequência do instrumento. Para isso, utilizei um high pass filter. Em 10k, ele traz um slope bem suave que vai atuando em várias frequências. Nesse mix, eu ainda diminuí um pouco a frequência média e trouxe bastante grave. Assim a saturação aparece bem, mas ficando com bastante frequência grave. De outro jeito, tudo ia ficar muito médio ou muito agudo. 

manny marroquin


Um detalhe importante é que quando vocês forem utilizar esse plugin no baixo, lembrem-se de deixar o attack um pouco mais lento e o release razoavelmente rápido, por volta de 31 mms. Isso permite que ele atue deixando o ataque passar um pouco, mas dando definição para as notas fundamentais. Ele ainda distorce um pouquinho e logo larga, para a entrada de outro ataque. Como tem muito nível rms nesse sinal, o plugin fica alternando entre saturar e parar, o que traz um efeito bem legal para a música.

Omega

Na voz, eu utilizo o plugin de saturação Omega, da Kush Audio. Ele simula a distorção harmônica de algumas características de resposta de frequência do pré-amplificador API 512C. 

omega

Nessa mix, eu coloquei um atenuador de 20 decibéis que é para não trazer muita amplitude para o sinal. A aplicação foi feita em um canal em paralelo na voz, que vai trazendo a saturação harmônica aos poucos. O resultado é uma agressividade na voz. Eu gosto muito desse aspecto do Omega de cortar a mix, deixando a voz com os efeitos um pouco mais à frente.

 
Distressor

distressor

O Distressor é um plugin de saturação que também traz uma distorção harmônica. Uma de suas principais características é o range de distorção. Vocês conseguem um efeito muito mais sutil ao usarem o Opto Mode ou muito mais intenso, caso usem o modo Nuke. 

Omni Channel

O Omni Channel tem uma simulação de saturação harmônica no próprio pré-amplificador e a gente pode escolher entre vários tipos de distorção harmônica. 

omni channel
  • Odd: dá uma sonoridade mais esquisita.
  • Even: traz uma saturação mais agradável, mais sutil. Ele tem a ideia de trazer uma leve distorção harmônica total provocada por válvula, uma coisa mais encorpada.
  • Heavy: traz um som bem saturado, mas não tão esquisito quanto o Odd.

No exemplo, eu apliquei o Even em uma caixa de bateria, dando um pouco mais de corpo e fazendo com que o instrumento salte um pouco mais na mix.

Redlight Distortion

Esse plugin de saturação é nativo do Studio 1. Ele tem várias opções, podendo trabalhar com:

Redlight Distortion
  • Soft Tube: saturação mais suave.
  • Hard Tube: uma válvula mais saturada.
  • Bad Tube: é uma coisa mais odd, esquisita, como a do Omni Channel.
  • Transistor: uma distorção harmônica com um ataque um pouco mais rápido. O som não fica tão aveludado.
  • Fuzz: é uma saturação harmônica tradicional em guitarras, por exemplo.
  • OpAmp: nada mais é do que um amplificador operacional, que faz cálculos matemáticos no sistema eletrônico e garante amplificação do sinal através de circuitos integrados. Ele traz uma característica mais moderna e mais sutil do que os anteriores.

O plugin permite ainda que você controle a amplitude de distorção de drive. Ele dá uma sonoridade meio vintage, o que faz dele um plugin totalmente diferente dos outros que apresentei. Isso dá um parâmetro para vocês de diferentes opções de distorção harmônica e de plugins que vocês podem utilizar para trazer essas características. 


Ao ouvir, vocês irão perceber que a sonoridade é totalmente diferente de um plugin para o outro, já que as parametrizações deles são diversas. Portanto, não deixem de usar as diferentes finalidades desses tipos de plugins na sua mix.


Se quiserem se aprofundar ainda mais sobre o assunto, estamos remodelando o curso Por Dentro da Mix que foi um sucesso de vendas e em breve estará à disposição novamente. Fique de olho no site da OSSIA!

Enquanto isso, confira outros materiais que a gente tem pra você, lá na biblioteca. Você vai gostar do nosso ebook sobre sintetizadores. Corre lá!

sintetizadores

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *